22.03.2017

História

História

Os primitivos habitantes da região foram os índios da tribo Porte também Botocudos e os primeiros colonizadores que na região se aportaram foram fazendeiros agropecuaristas vindos da antiga cidade de São Miguel e Almas (Guanhães), sendo os mesmos oriundos de famílias da antiga Vila do Príncipe, atual Serro: Félix Gomes de Brito, José Antônio da Fonseca, Capitão Figueiredo, João Batista Coelho e Joaquim Nunes Coelho, por volta de 1838. As primeiras casas do povoado surgiram em 1858, sendo o tenente João Batista Coelho um dos pioneiros de Patrocínio, nome com que foi registrado em 1862, na freguesia de São Miguel e Almas. Em 1871, tornou-se freguesia com a denominação de Nossa Senhora do Patrocínio do Serro. Em 1924, desmembrada do território de Guanhães, foi elevada à condição de município. O nome Virginopólis foi dado ao município em homenagem à Virgem Maria, formado pelas palavras Virginis (do latim Virgo) e polis (do grego) cidade.